Publicado por: rivermom | janeiro 31, 2011

Ano Novo Chinês

Uma amiga brasileira em Bangkok me ligou essa manhã para pedir um conselho. Tinha sido convidada para um jantar no Ano Novo Chinês na casa de uma familia prominente tailandesa e queria saber o que levar.

Me pegou de surpresa pois nem mesmo eu ainda estou completamente preparada. Essa é uma tradição que tenho aprendido na prática mesmo, vendo como os outros fazem, vendo o que nós ganhamos e vendo como os outros retribuem.

Meu marido, mesmo sendo de uma família chinesa disse nunca ter prestado muita atenção nos detalhes e só se lembra mesmo dos envelopes vermelhos que recebia dos adultos quando era criança e de como sempre aguardava com ansiedade a chegada dos parentes nessa época. Mas a situação agora é diferente, é ele quem deve dar os envelopes !

Parece que cada país tem seu jeito peculiar, suas tradições, provavelmente adaptadas e mescladas com a cultura do país adotivo, no nosso caso a Tailândia.

Falei para minha amiga somente das duas coisas mais básicas, talvez o mínimo para ser polido e não fazer gafes.

1) Envelopes vermelhos ou angpao

O que tem nesses envelopes ? Claro, dinheiro. O valor realmente depende e varia muito. Pode ser entre membros da mesma família sendo dos mais velhos para os mais novos ou de patrão para empregado. Na sociedade dever visto de forma hierárquica vindo de cima para baixo, ou entre quem tem maior poder econômico para quem tem menos.

Os pais dão para os seus filhos, e estes receberão dos outros tios e tias. Em retorno os pais terão de dar para os filhos dos tios (os sobrinhos) também em quantidade maior ou ao menos igual. Eu particularmente não fico tomando nota de quem deu quanto, quem deu mais ou quem deu menos, o importante é o ritual e o  que isso representa.  Mas minha sogra, como a raiz superior na árvore da nossa família me pergunta quanto fulano deu pois ela precisa de parâmetros para no próximo ano: não passar vexame de ter dado muito pouco e nem de ter dado de mais e deixado outros constrangidos. Ás vezes parece ser tão delicado que me pergunto se tudo vale a pena, vamos todos esquecer dos envelopes vermelhos, ninguém recebe e ninguém dá! Mas é como passar o Natal sem presente, imagina que tristeza ?

Se somos convidados para um jantar de ano novo devemos ir preparados com envelopes para os filhos dos anfitriões e outros convidados conhecidos. Sempre traga uns a mais para casos de emergência, alguém que você não esperava aparece com envelopes para os seus filhos e se você não retribuir para os filhos dessa pessoa você poderá estar ganhando uma antipatia de graça. E por favor, não repasse dinheiro de um envelope que deram para o seu filho para um outro envelope que você vai dar! Mesmo que ninguém perceba sua gafe você pode se sentir mal, pelo menos eu ficaria com sentimento de culpa de pensar que isso pode me trazer azar durante o ano inteiro, quer dizer, dinheiro que vem vai e não pára no meu bolso…

Se possível vá ao banco e retire notas novinhas em folha. Os bancos já estão preparados para essa época e nem perguntam para que você precisa de tanta nota nova quentinha saída da impressora. E imagina a decepção de quem abrir o envelope e tirar uma nota caindo aos pedaços por mais que seja um notão de 1000B$!

2) Quatro bergamotas (bem alaranjadas)

Esse costume de dar 4 parece ser só na Tailândia. São dadas ao superiores e representa uma forma de respeito. Supermercados e feiras vendem as 4 bergamotas bem alaranjadas em embalagens propriamente decoradas para a ocasião. Como essas 4 só representam um símbolo você pode adicionar uma caixa ou uma dúzia em embalagens a parte.

Tradicionalmente a pessoa que recebe as 4 laranjas irá cobrir 2 das bergamotas com um lenço e trocá-las por mais duas bergamotas novas e dar de volta para você. Eu particularmente nunca ví isso mas parece ser a forma tradicional. O que eu sei é que eu sempre volto para casa com mais bergamotas que quando saí de casa e isso é uma coisa que eu ainda não consegui balancear !

As bergamotas laranjadas representam “boa sorte” e a troca de bergamotas significa troca de  benções.

Envelope vermelho com a cestinha de 4 bergamotas

——————————————————————————————————————————————————————–

Com certeza sabendo desses dois você não passa por constrangimento algum. E por garantia, deixe tudo preparado até  um dia antes da véspera do ano novo pois as filas nas lojas quadruplica nos últimos dias e lojas de estabelecimento pequenas até fecham as portas mais cedo.

Como etiqueta para um jantar ou banquete chinês, seja na casa do anfitrião ou em algum restaurante, não vá de preto e muito menos de branco. Isso até vale mesmo para quando não é ano novo, pois o preto e o branco são usados em funerais. No entanto muitos dos jovens simplesmente resolvem ignorar essa etiqueta porque associam o preto ao sofisticado mas na presença de pessoas mais idosas eu tentaria evitar estas cores.

Tanto a troca de  envelopes e bergamotas no ano novo não é só para festas e jantares. Preparamos nossos envelopes para as zeladoras e mulheres da cantina da escolinha das crianças, assim como os zeladores, guardas de segurança do prédio onde moramos, seguranças e as zeladoras do escritório do meu marido, empregada, motorista, até as garçonetas do restaurante que vamos sempre, sempre receberam o envelope além da gorjeta. As bergamotas vão para os gerentes da empresa do meu marido, algumas “tias” tailandesas que fazem parte da nossa grande família e amigos dos meus sogros. Só sei que é um tal de negócio de dar de um lado, recebe de outro que parece não acabar. Temos bergamotas para umas 2 semanas mas  é um prazer que comecei a gostar nestes últimos anos e aprendi dessa maneira que dividindo multiplicamos.

Para nós, que seguimos a tradição chinesa de Hong Kong, no manhã do ano novo devemos ir com as crianças na casa dos meus sogros servir chá chinês. Se os avós do meu marido estivessem vivos teríamos de ir na casa deles também. É como pedir benção dos pais,  servimos os chá dando 3 voltinhas no sentido horário na xícara antes de passar para eles e eles, antes de tomar também dão mais 3 voltinhas na xícara. Depois disso é a vez das nossas crianças e quando terminamos todos recebemos a benção junto com o envelope vermelho.

Embora a tradição do envelope ainda parece resistir entre os imigrantes Chineses em outros continentes a tradição do chá parece estar sumindo. Dos 4 irmãos do meu marido só ele continua a tradição. Talvez por ser o mais velho e porque ele quer que os filhos dele aprendam um pouco da cultura chinesa enquanto os avós ainda estão vivos.

No Japão existe um envelope vermelho chamado de otoshidama e que é dado para as crianças também no ano novo. A tradição é bem semelhante embora a maioria já não parece mais praticá-la e está mais restrita aos avós para presentear aos netos.

Ah, e como fazer o cumprimento ?

Em vez do wei tailandes com as duas mãos juntas e palmas abertas, junte as mãos mas de punhos fechados, um embrulhando a outro.

Um Feliz Ano Novo Chinês a todos,

“Kung Hei Fat Choi”

e bem vindos ao ano do coelho !

Como curiosidade, no Vietnã eles trocaram o coelho do ano lunar chinês para o ano do gato porque a pronúncia de “coelho” na língua deles soava alguma coisa muito ruim. Hoje na Tailândia, como há muitos donos de gatos de estimação há os que preferem aderir ao ano do gato também.

Anúncios

Responses

  1. Caramba, amiga! Tantos detalhes! Adorei saber disso tudo! Vou por um link la no blog, ok? Mil bjs!

  2. Pode postar o link sim, espero que seja util a alguem pelo menos 😀


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: