Publicado por: rivermom | abril 10, 2011

Atropelos de uma viagem

Alguma vez já aconteceu de você estar saindo de viagem, colocando as malas no carro e a mala quebrar ?

E que tal, você está a caminho do aeroporto e resolve por gasolina pois o tanque está só com 1/4 de combustível e o garoto do posto resolve colocar o combustível errado ? E agora, você está sem o carro pois se ligar a ignição estraga o motor e sabe-se lá quanto tempo vão levar para limparem o motor, não é?

Para nós nunca tinha acontecido nem um nem outro. Só que desta vez aconteceram os DOIS no mesmo dia, indo para a mesma viagem, as 5 da manhã !

As 4:30 da manhã, enquanto eu preparo os meninos para sair, ainda dormindo, meu marido resolve ir colocando as malas no carro. Numa viagem de 6 dias temos só uma malona para os 4. Quando ele vai por a mala no carro aquela barra que usamos para puxar a mala emperra e meu marido não consegue pô-la para dentro. Traz de novo pra casa e as pressas passamos todo o seu conteúdo para outras duas malas médias (oba, penso eu; sobra mais espaço, desculpa para poder fazer mais compras!).

Tudo no carro, meninos penteados e escovados mas ainda dormindo, vamos buscar o sogro na casa dele. Do lado da casa do sogro tem um posto de gasolina que meu marido resolve pedir parar pois só com 1/4 no tanque, corre-se o risco de não haver combustível quando voltarmos de viagem. Penso comigo mesma, que coisa, o motorista devia ter notado isso ontem e não o meu marido!

As 5 da manhã no posto, vejo a agulha do tanque subindo, passando da metade. De repente pára. Um outro rapaz tinha chegado e mandou logo parar. O garoto da nossa bomba era aprendiz e o rapaz que chegou percebeu logo um erro. O nosso carro usa disel e o garoto estava colocando benzina ! Lembro que quando chegamos no posto o motorista falou “disel” para o garoto. O garoto coitado, deveria estar trabalhando toda a madrugada, aprendiz, talvez não estivesse acostumado ao horário e muito menos sabe que modelos de carro usam que tipo de combustível.

Eu levei um tempo para entender o que estava acontecendo e foi só quando vi que estavam empurrando o carro para o lado do posto, com o motor desligado, que senti a gravidade do problema.

Não poderíamos usar o nosso carro para ir para o aeroporto !

Sorte, estavamos do lado da casa do sogro e pudemos trocar de carro. Passamos as malas para o carro do sogro e deixamos o nosso no posto. O motorista teria de ir la depois para resolver com o gerente do posto o que fazer. O gerente só ia chegar as 9 e até lá nada poderia ser feito.

Bom, contratempos a parte, chegamos no aeroporto a tempo e ainda pudemos passar pelo lounge para o café-da-manhã. Sim, bom que procuramos sair de casa com folga para o aeroporto, valeu a experiência !

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: